Mudança de Comando

Belo Horizonte, 05 de setembro de 2008. Prezado aexano, Há dois anos recebi da diretoria comandada pelo caríssimo João Gabriel, o Japão, a transferência da gestão da nossa AEXAM – Associação dos Ex-Alunos dos Seminários de Mariana. De lá para cá, atuando conforme o projeto que apresentei quando me fizeram presidente lá em Mariana (2006), e com a inegável, dedicada e necessária colaboração dos meus diretores, posso apresentar-lhes um resumo do que se fez: 1 – ENCONTRO ANUAL EM MARIANA Fazer este evento com alegria, descontração, camaradagem e interesse dos associados era o meu objetivo. Pois bem, as espetaculares presenças de aexanos, familiares e convidados nos Encontros Anuais de 2007 (136) e ampliadas em 2008 (158) mostram que tal foi possível, principalmente quando pude ver que todos mostravam a inegável satisfação de lá estarem, comprovando-se o resultado das intensivas campanhas de adesão feitas por e-mails, cartas, telefones, revista Gens Seminarii e pessoalmente. Contei com a espetacular ajuda do vice-presidente José Amilar, promovendo em Ipatinga o III Encontro Regional do Vale do Aço, em que os aexanos foram incentivados a comparecer. Tive o cuidado em promovê-los, utilizando um cronograma interessante e estimulante, com palestras de consagrados profissionais (Dr. Ângelo Oswaldo e Padre Lauro Barbosa em 2007 e Dr. Evaldo d’Assumpção em 2008) , com atividades diletantes e artísticas (nossa sessão lítero-musical), com cerimônias festivas (missa na Catedral celebrada pelo Arcebispo Dom Geraldo Lyrio) e com uma alimentação cuidada, diferente e saborosa. Contei sempre com o apoio e o estímulo da minha esposa Rosana que vocês conheceram duplamente: como zelosa organizadora e cantora do “Carona Brasil”. Alguns atenciosos aexanos, sensibilizados com o meu projeto “custo zero para todos”, colaboraram financeiramente para que os Encontros assim pudessem ser. A eles, cujos nomes me desculpo por não mencionar, o sincero e emocionado agradecimento. É importante salientar que as arrecadações obtidas com as hospedagens foram integralmente repassadas ao diretor do Seminário Maior, Padre Lauro, a quem reitero um agradecimento especial pelo carinho e a cordialidade com que sempre me distinguiu e a todos da Associação. Não tenho a pretensão de considerar o Encontro Anual perfeito, até porque ainda há muito em que ele pode melhorar, porém acredito que se tornou um esperado acontecimento a que todos terão a vontade de ir e/ou voltar. Certamente eu serei um deles… E com muito entusiasmo. 2 – MEMORIAL FÍSICO DA AEXAM Foi inaugurado no Encontro Anual de 2007, com uma significativa presença dos associados, para ser um espaço onde objetos, livros e vestimentas usados e utilizados pelos seminaristas e padres estejam expostos à visitação. Constituído por doações, o Memorial pretende manter vivas as “coisas” dos Seminários. Tem como patrono Monsenhor Nelson Simões Quinteiro, mentor e fundador da AEXAM, a quem pretendi, por tal, homenagear. O Memorial é ainda modesto, mas com a continuada colaboração de todos, tal como aconteceu no último Encontro, vai ficar cada vez mais interessante e sentimentalmente valioso. Mantê-lo já não mais me caberá. 3 – LOGOMARCA Foi feita para dar uma identidade gráfica à AEXAM. Os critérios adotados na sua criação e elaboração estão explicados no site. A logomarca cumpre o Estatuto da Associação, retratando, para preservar, o passado histórico, religioso e cultural de Mariana, enquanto fortalece o ambiente em que se formaram e se formam sacerdotes e homens de bem. Quando me propus mandar fazê-la, quis que a logomarca, usada em nossos impressos, publicações e outras produções, fosse a “cara” da Associação. Ao apresentá-la no Encontro de 2007 tive a alegria de receber elogiosos comentários. Se você ainda não viu, vá lá ao site para entendê-la. Que ela continue sendo utilizada ao que foi feita!… 4 – REVISTA GENS SEMINARII Esta revista, idealizada pelo Monsenhor Raul, foi criada para ser o veículo de comunicação das notícias do GS58, da AEXAM e também dos Seminários de Mariana. Ficou estabelecido que serão duas edições anuais, cujo envio através dos Correios acontece no início do mês de junho (antes do Encontro Anual) e no início de dezembro (antes do Natal). Os custos de gráfica e postagem são rateados igualmente entre a Associação e o GS58, não havendo quaisquer ônus para os Seminários. Participei da coordenação que se fazia necessária, articulando esses três grupos, de modo que a revista tivesse uma unidade de produção. Assumi com entusiasmo a parte da AEXAM neste projeto, responsabilizando-me pela redação dos textos, fotos e colaborações de aexanos escritores, todos enviados por e-mails ao então editor, Monsenhor Raul, lá em Caratinga. Foram os dois primeiros números. Atendendo a necessidades econômicas e estratégicas, propus e negociei com a Editora Dom Viçoso, em Mariana, para fazer a parte gráfica e de distribuição da GS III e seguintes. O resultado é de excelente qualidade, dentro do que financeiramente é possível à Associação. Acredito que a cada edição a Gens Seminarii, nome de que me orgulho ter criado (releia a “historinha” do Monsenhor Raul no GS I ou no site em “Notícias AEXAM”) vai ficar mais bonita. Daqui pra frente estarei somente como recebedor da revista. 5 – SITE DA AEXAM Quando assumi a presidência em setembro de 2006, quis fazer um site da Associação que pudesse ser informativo, interessante e dinâmico, permitindo atualizações constantes. Infelizmente as notícias não são muitas e, às vezes, fica um tempo sem novidades. Independentemente disto, está no ar e você certamente já o acessou – www.aexam-mg.org.br – e viu que ele é bonito e de fácil navegação. Permite que faça contato através do e-mail aexam@aexam-mg.org.br e possibilita contatar-se com outros aexanos lá cadastrados. Agora mesmo você encontrará fotos e notícias do último Encontro Anual em Mariana. E é a minha última participação na sua manutenção, já que a batuta estará em outras mãos. 6 – REPRESENTATIVIDADE DA ASSOCIAÇÃO Outra importante atividade que desenvolvi foi dar uma maior visibilidade à AEXAM junto a outras Associações co-irmãs e, principalmente na cidade Mariana, nos meios eclesiásticos, sociais e diretivos. Inegavelmente a Associação dos Ex-Alunos dos Seminários de Mariana é reconhecida e valorizada pelo que representa e congrega. As co-irmãs, AEALAC (do Caraça) – ENFRADES (dos franciscanos) e Associação dos Ex-Seminaristas do Coração Eucarístico (Belo Horizonte) – estiveram presentes nos nossos Encontros Anuais, com sentimentos de agradável integração. O senhor Arcebispo, Dom Geraldo Lyrio, os padres da cidade e outros tantos da arquidiocese, seminaristas e pessoas ligadas ao clero marianense, conhecem e interessam-se pela AEXAM e o seu constante crescimento. As autoridades municipais vêem a importância da nossa Associação, na medida em que é constituída de cidadãos, leigos ou não, formadores de opinião e destaques na comunidade em que individualmente atuam e cuja formação intelectual tem origem em Mariana. Inegavelmente a comenda “Cidadão de Minas Gerais”, que me foi outorgada no dia 16 de julho último pelo Governador Aécio Neves, foi indicação do Prefeito Celso Cota/Roque Camêllo somente por eu ser o Presidente da AEXAM – Associação dos Ex-alunos dos Seminários de MARIANA. Atendendo à minha solicitação e confirmando esta importância institucional da AEXAM, a Prefeitura colaborou financeiramente com R$ 3.000,00 para a produção da nossa revista GS III, valor rateado entre a Associação e o GS58. Para executar este trabalho de representatividade propus-me estar presente em eventos e solenidades em que a AEXAM pudesse, de alguma maneira, fazer-se notar. Assim foi no enterro de Dom Luciano, na posse de Dom Geraldo Lyrio, em solenidades na Academia Marianense de Letras e na Academia Mineira de Letras (posse do Cônego José Geraldo Vidigal), Jubileus Sacerdotais de Dom Barroso, Padre Simões e Cônego Jadir Trindade, Encontros Anuais do GS58 (Atibaia e Aparecida), Encontros dos Ex-Seminaristas de Belo Horizonte (Barão de Cocais), visita ao Caraça (Padre Beloni) e, até, uma chegadinha ao ponto de encontro do ENFRADES (barzinho na Savassi). Bem, daqui pra frente ficarei na platéia, batendo palmas. 7 – MANUTENÇÃO DA “CHAMA AEXAM” Com a minha escolha em julho de 2006 veio a função básica de manter e fazer crescer o relacionamento associado-associação. Pode parecer pequeno, mas tive o cuidado de mandar um abraço da AEXAM ao associado aniversariante, cujo controle eu tivesse no meu computador. Não são muitos, talvez uns setenta e poucos, mas, por telefone, carta ou e-mail receberam um carinho. Acredito que isto deve ter-lhes feito bem. Esta função já não será mais minha. Aí, somente aqueles que tiverem e-mail cadastrado vão receber o sincero abraço do ex-colega. 8 – SITUAÇÃO FINANCEIRA Todos sabem que a AEXAM é uma entidade civil sem fins lucrativos e também sem qualquer fonte regular de arrecadação. A sua manutenção depende da colaboração financeira dos associados. E os que contribuem não são muitos. Daí… Os seus custos vêm da manutenção do site, telefonemas, representatividade, confecção da revista e realização do Encontro Anual. Para isto, às vezes com insistência, solicitei a ajuda dos aexanos e também de outras fontes. Fico feliz de que tenha conseguido realizar todas as atividades sem dificuldades de caixa. Observo que a visibilidade e a credibilidade da Associação motivam os associados a contribuírem. No final de agosto foi depositado um significativo valor para cuja destinação assim se manifestou o contribuinte: Enviei para a conta bancária, de que é titular a AEXAM, a quantia de R$1.200,00, que tem o seguinte significado: R$ 1.000,00 para “fingir” me redimir do atraso em contribuir para nossa associação e R$ 200,00 destinados à quitação de minha contribuição relativa aos dois semestres de 2008 (R$ 100,00, por semestre). Muito bacana, não é? Pois bem, em setembro de 2006 recebi a Associação com um saldo bancário de R$ 1.566,83. De lá para cá, ao longo desses dois anos, as contas da AEXAM no Banco do Brasil e Bradesco, receberam, contribuições que, deduzidos todos os custos durante a minha gestão, mostram um saldo total de R$ 6.470,00 com o qual o presidente Waltinho vai poder contar. Agora o economista é ele. Tenho a certeza de que fará uma adequada gestão financeira. 9 – AGRADECIMENTOS A você que acreditou no meu empenho e prestigiou com sua presença ou contato a minha gestão, obrigado! Isto foi muito importante para que eu tenha agora a agradável sensação do “dever cumprido” e a certeza de que a AEXAM ficou um pouquinho maior. Aos meus diretores, uns perto outros mais longe, que, solidários, me ajudaram na empreitada de comandar a nossa Associação, o carinhoso abraço de agradecimento. À Rosana, esposa, companheira e amada, sempre junta pra tudo, um beijo e amor! 10 – TRANSFERÊNCIA Passo hoje a presidência da AEXAM ao Walter Araújo de Freitas, por mim indicado e eleito na Assembléia Geral realizada durante o Encontro Anual em Mariana. 11 – DESEJO Quero muito que o Waltinho (drwalterfreitas@gmail.com) e os seus diretores sejam felizes no comando da nossa AEXAM. Coloco-me à disposição para a ajuda e os esclarecimentos que forem necessários, confiado na experiência que adquiri nestes dois anos. Porque para mim é ad maiorem AEXAM (no genitivo) gloriam. Um grande abraço. Helvécio Trindade.
Helvécio Trindade – Ex-presidente

Helvécio Trindade
Ex-Presidente

Deixe uma resposta